Notícias

A lei nº 13.639, de criação do CFT, completa 2 anos

  • 26 de março de 2020

Conheça a história do primeiro grupo de técnicos que vislumbrou a criação do conselho próprio há quase 40 anos

Nesta data aviva-se a memória de trabalho e adversidades enfrentadas pelo primeiro grupo de técnicos industriais que idealizou a criação do conselho, uma conquista que levou quase 40 anos.

No final da década de 1960 um grupo apoiado pelas escolas técnicas deu início ao movimento pela regulamentação profissional e criação do conselho próprio; na verdade, disseminando uma ideia para beneficiar as gerações futuras, os milhares de jovens formados nas mais diversas modalidades.

A discriminação e hostilidade contra os técnicos continuava, mas em contraponto, o movimento ganhava mais força. Em 18 de agosto de 1979 os técnicos paulistas realizaram a assembleia de fundação da ATESP – Associação Profissional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo na Escola Técnica Getúlio Vargas, uma das mais importantes instituições de ensino técnico do estado e do país. Entre os objetivos traçados pela associação estavam a regulamentação profissional, a transformação das associações em sindicatos e a representatividade no Sistema CONFEA/CREA; reavivando a ideia da década anterior para que a categoria tivesse um conselho próprio para a fiscalização de suas atividades profissionais.

A fundação da ATESP atraiu o apoio de técnicos de todo o Brasil, das Associações dos Técnicos Industriais de vários estados e de tantas outras lideranças que fortificaram o movimento.

Os seis meses anteriores à aprovação final do projeto foram um período no qual as lideranças dos técnicos de todo o Brasil não saíram do Congresso Nacional justificando o slogan hoje utilizado “juntos somos mais fortes”. Por fim, a conquista se materializa. No dia 26 março de 2018, a Secretaria de Expediente do Senado Federal remeteu um ofício ao ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, encaminhando uma mensagem (nº 12/2018) ao presidente da República.

Em 26 de março o presidente Michel Temer sanciona a Lei nº 13.639/2018 criando o Conselho Federal e Regionais dos Técnicos Industriais. No dia seguinte, a lei foi publicada no DOU – Diário Oficial da União [Edição 59 – Seção 1 – Página 1]. Sendo eleita em 22 de junho a primeira diretoria executiva e os conselheiros do Conselho Federal dos Técnicos Industriais.

Últimas notícias

SEMANA DO TÉCNICO 2020

CFT convida técnicos, técnicas e sociedade para Live com Diretoria e ciclo de palestras, que integram celebrações da Semana do Técnico em seu Canal CFT…
Ler mais...

Publicada Resolução dos Técnicos em Soldagem

Por meio da Resolução nº 107, CFT normatiza atribuições profissionais dos técnicos e técnicas em soldagem CFT publica resolução com atribuições dos técnicos da modalidade…
Ler mais...

II Reunião Extraordinária do Fórum de Presidentes

Em conferência virtual, Diretoria Executiva do CFT e os presidentes dos 11 Conselhos Regionais debatem propostas de alteração da Resolução dos Técnicos em Edificações Na…
Ler mais...

A lei nº 13.639, de criação do CFT, completa 2 anos

  • 26 de março de 2020

Conheça a história do primeiro grupo de técnicos que vislumbrou a criação do conselho próprio há quase 40 anos

Nesta data aviva-se a memória de trabalho e adversidades enfrentadas pelo primeiro grupo de técnicos industriais que idealizou a criação do conselho, uma conquista que levou quase 40 anos.

No final da década de 1960 um grupo apoiado pelas escolas técnicas deu início ao movimento pela regulamentação profissional e criação do conselho próprio; na verdade, disseminando uma ideia para beneficiar as gerações futuras, os milhares de jovens formados nas mais diversas modalidades.

A discriminação e hostilidade contra os técnicos continuava, mas em contraponto, o movimento ganhava mais força. Em 18 de agosto de 1979 os técnicos paulistas realizaram a assembleia de fundação da ATESP – Associação Profissional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo na Escola Técnica Getúlio Vargas, uma das mais importantes instituições de ensino técnico do estado e do país. Entre os objetivos traçados pela associação estavam a regulamentação profissional, a transformação das associações em sindicatos e a representatividade no Sistema CONFEA/CREA; reavivando a ideia da década anterior para que a categoria tivesse um conselho próprio para a fiscalização de suas atividades profissionais.

A fundação da ATESP atraiu o apoio de técnicos de todo o Brasil, das Associações dos Técnicos Industriais de vários estados e de tantas outras lideranças que fortificaram o movimento.

Os seis meses anteriores à aprovação final do projeto foram um período no qual as lideranças dos técnicos de todo o Brasil não saíram do Congresso Nacional justificando o slogan hoje utilizado “juntos somos mais fortes”. Por fim, a conquista se materializa. No dia 26 março de 2018, a Secretaria de Expediente do Senado Federal remeteu um ofício ao ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, encaminhando uma mensagem (nº 12/2018) ao presidente da República.

Em 26 de março o presidente Michel Temer sanciona a Lei nº 13.639/2018 criando o Conselho Federal e Regionais dos Técnicos Industriais. No dia seguinte, a lei foi publicada no DOU – Diário Oficial da União [Edição 59 – Seção 1 – Página 1]. Sendo eleita em 22 de junho a primeira diretoria executiva e os conselheiros do Conselho Federal dos Técnicos Industriais.

Últimas notícias

SEMANA DO TÉCNICO 2020

CFT convida técnicos, técnicas e sociedade para Live com Diretoria e ciclo de palestras, que integram celebrações da Semana do Técnico em seu Canal CFT…
Ler mais...

Publicada Resolução dos Técnicos em Soldagem

Por meio da Resolução nº 107, CFT normatiza atribuições profissionais dos técnicos e técnicas em soldagem CFT publica resolução com atribuições dos técnicos da modalidade…
Ler mais...

II Reunião Extraordinária do Fórum de Presidentes

Em conferência virtual, Diretoria Executiva do CFT e os presidentes dos 11 Conselhos Regionais debatem propostas de alteração da Resolução dos Técnicos em Edificações Na…
Ler mais...